SOBRE O BLOG

Como surgiu o nome do blog?

Uma das maiores explorações da arqueologia, se não a maior, foi a descoberta da Pedra de Rosetta, onde se encontrou escrito, em três diferentes idiomas – Três escritas (Hieroglifos, demótico e grego) e dois diferentes idiomas – grego e egípcio, um texto que ajudou no entendimento da escrita egípcia chamada Hieróglifo. Esse símbolo histórico remete ao significado de origem, assunto este, amplamente explorado no site, dentro de suas competências apresentadas. Associamos então, o real propósito deste portal on-line: levar o conteúdo e o conhecimento às pessoas que necessitam, sejam elas estudantes, acadêmicos ou profissionais da área. Pensando nisso, o site servirá como um norte, que orientará os interessados à fonte dos conhecimentos, fazendo alusão à Rosa dos Ventos, imagem que direciona os navegantes em meio aos oceanos. Concluímos o conceito ao unificarmos as principais ideias propostas, dando origem ao nome: Rosetta dos Ventos.

 

Como surgiu o logotipo do blog?

Para desenvolver a imagem da marca Rosetta dos Ventos, um blog de Margaret Bakos, foi realizada uma pesquisa sobre logos de duas dimensões que pudessem ser percebidos além do papel ou tela, e sim em uma terceira dimensão, que se aproxima e interage com o ser humano.  Sendo assim, a sincronia foi composta pelo logo da Casa da Música.

A paleta de cores utilizada foi inspirada em uma das imagens mais consagradas do Egito, o Caixão do Faraó Tutankamon, que foi coroado em 1333 a.C. Além disso, as cores foram dispostas em uma configuração de luz e sombra, formando diferentes ângulos de visão.

Em um segundo momento, uma foto da Pedra Rosetta foi colocada sob uma mesa de luz para que, com uma folha vegetal, o ilustrador do logo pudesse retirar os traços mais específicos para a composição do pictograma, para que o traçado fosse clean, minimalista e objetivo. Após esse trabalho manual, o desenho foi passado para a tela de um computador, para que pudesse ser feito um desenho digital.

Após, foi realizada a pesquisa de tipografia. Essa pesquisa foi constituída de fontes arredondadas e slim para que, segundo a Semiótica (que é o estudo dos signos), faça alusão à feminilidade representada pela marca. Da mesma forma, que os traços de “um blog de” referem-se ao blog autoral de uma das maiores estudiosas sobre Egiptomania, no Rio Grande do Sul, Margaret Bakos.